sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Catalepsia

Bateu novamente, agora com força, mas o marido, livre da catalepsia, nunca mais se ergueria do caixão.


Nenhum comentário:

Postar um comentário